Este é o mundo de RPG vampiro a mascara... Este é o mundo sombrio onde os poucos que sobrevivem se agarram ao poder de séculos de vida com punhos de aço... Está pronto para tentar..!?..Venha e descubra se você manda ou é mandado. Venha viver a fantasia
 
InícioPortalRegistrar-seConectar-se
O jogo ira começar, por favor aprontem suas planilhas e fale com primordio sobre sua inscriçao.

Compartilhe | 
 

 Diario - Jacqueline Lefevre

Ir em baixo 
AutorMensagem
Jacqueline Lefevre
Xerife
avatar

Número de Mensagens : 264
Idade : 26
Data de inscrição : 28/10/2010

Ficha do personagem
Clã:

MensagemAssunto: Diario - Jacqueline Lefevre   Qua 13 Abr 2011, 06:03

  • Domingo - 07/02/1995

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Cheguei finalmente em Barah, esta cidade tão misteriosa, que servir de moradia por tantos anos ao meu senhor. Joseph e Bella, me acompanham fielmente como sempre. A casa de meu senhor sera minha nova moradia, aparentemente ela ja é bem preparada para abbrigar um tremere, tendo ja seus cofres necessarios para guardar meu preciosos pertences.
Mas minha mente esta mesmo é focada no meu destino aqui, meu maior interesse, aprimorar meus conhecimentos. Antes de fazer qualquer coisa fiz o ritual de apresentação, preciso passar um primeira boa impressão para a nova Capela. Uma voz me respondeu me indicando o local da Capela, e é para la que eu vou agora!

Parti rumo a Capela, a casa da minha 'madrinha', de fato, a primeira impressão que teve da entrada da capela não era de um local totalmente seguro, mas uma "novata" não deve dar palpites por enquanto.A primeira visão que tenho é de uma reunião pertubadora, a regente Aghata esta a discutir com seus fiéis o destino da Capela, não intendi muito o que se passa ali, mas logo fui encaminhada para uma outra sala.

La concerteza era um lugar perfeito, com prateleiras de livros, eu praticamente sentia o cheiro do conhecimento sendo emanado por aquele local, quando adentra uma mulher de negro, com um gato perturbador no colo. Ah, mas aquele gato ainda me aguarde, sim algo esta estranho ali!!

E esta mulher me faz uma proposta um tanto ousada, mas IRRECUSAVEL, a recompensa, de aprender, aprender, aprender, poder escolher o que eu quero em troca, ah sim! De fato irrecusavel. Mas entrar na casa de um Giovanni não é uma simples tarefa, mas eu fico cega quando a oportunidade de conhecimento me vem, a assim eu fui sem hesitar!

A casa do giovanni era aparentemente tipica de um giovanni, feia, suja e nojenta! A me encontrei em um dificuldade, atravessa a agua que cercava a casa, me aproximei jogando um pedra na agua para ver sua densidade, e meu colar brilhou novamente, na cor rosa choque, uma cor que eu ainda não sabia de que era, e felizmente eu escobri. Das aguas surgir uma figura acquosa, aparentemente um mulher, sim sim, uma Elemental, eu fiquei em um estado de adimiração, só de ter adiquirido uma nova cor, ja era satisfatório. Esta elemental me veio alertar contra os perigos da mansão, ela me retirou de meu corpo para ver os sons emitidos de tortura dos espiritos da mansão, mas mesmo assim eu não podia parar agora! Quando voltei mandei que Joseph fosse me buscar um barco, e quando ele saiu me dei conta de que meu colar, meu precioso colar havia sumido! Acho que eu quase entrei em frenesi naquele momento, mas o que realmente aconteceu foi que enquanto eu estava fora de meu corpo, um espirito me possuiu e mandou qua Joseph o jogassse fora, sorte que ele é muito eficaz, e conseguiu recuperar o amuleto, mesmo depois de joga-lo na agua. Este foi meu convite de boas vindas da casa.

Derrepende meu colar novamente começa a brilhar, dessa vez em uma cor Azul arroxeado, e um homem incrivelmente assustador, surge mostrando sua visibilidade, eu ainda não seu o que era, mas ja ouvi falar de um outro tipo de vampiro que vive no oriente, creio que deva ser um. Ele é o homem que Angelica me falou que estaria a minha espera para trocarmos nossos objetos. Ele tem um tipo de dupla personalidade, um lado mal e um lado péssimo.

Enfim encontramos um entrada escontida dentro da mata que envolve a casa. Joseph se recusa a esperar la fora, mas quando entra é incorporado por um espirito, que o faz correr para longe, e eu o sigo. Logo percebo a sensação de um quantidade incrivel de espiritos presos naquele local, por minha capacidade de senti-lo, esta sensação chega a ser estonteate. Assim eu prossegui, no sub-solo sa casa, Zumbis presos nas paredes, faziam parte da decoração, rebanhos magros presos em jaulas, isto só me servir para detestar mais ainda estes giovannis. Uma voz me chama a mente, Isabella, um espirito preso aquela casa. A quem decidi ajudar, ela menciona algo sobre um guardião, ao qual eu realmente quero e não quero ver.

Entrando em uma sala eu encontro um tipo de IML instalado ali, com um corpo sobre a mesa, de um homem chamado, Douglas Belmonter, logo investigarei mais sobre quem era, mas sou interrompida, quando ouço o som dos tiros do revolver de Joseph, que entra correndo ferido, eu poderia der ido embora naquele momento mas não posso sair antes de encontrar o colar verde que Angelica mencinou. Assim nós entramos na pequena sala onde o corpo esta, que parece ser blindada. Logo uma criatura vem ao nosso encontro, um mosntro, uma criação doente do giovanni, insano, Isabella me diz que ele ja foi um humano, mas eu me pergunto se é possovel, bom eu ja não duvido de mais nada! A criatura esta furiosa, começa a atacar o vidro que nos protege, e concerteza o vidro não aguentaria mais um ataque, assim eu uso sedução das chamas para ferir seus olhos, assim nós ganhamos tempo para fugir dali, e entramos em uma sala, parecida com uma biblioteca, la encontrei a estatueta onde Isabella ainda esta aprisionada, decidi leva-la comigo para depois decidir o que fazer. Uma portinhola no teto é aberta, e de la vejo um figura me chamando, me ajudando, mas quando eu subo, me dou conta do que era.

Uma gargula! uma gargula sim, até agora ainda estou um pouco sem falas, de pensar que em um unico dia eu veria tanto! Ela me propoe ajuda se eu ajuda-la e é claro que eu não posso me recusar, ela me mostra onde esta o colar, retira o cofre inteiro sa parede, e sai destruindo os canos de gas da casa. É realmente ela tem muito ódio deste giovanni. Nós pulamos pela janela, caindo na agua, e a casa explode!

Na outra margem esta o homem a quem entrogo o cofre, e ele me entrega um espelho, como eu me conheço muito bem, prefiro guardar o espelho sem sequer olhar, para não despertar a sede de conhecimento que me aperta. Mas antes de ir o homem me da uma frase que realmente me intriga, e isso não poderei passar em branco, pois minha curiosidade ja bate no peito. " diz para
aquela velha bruxa que ela nao vai axar o matador de 100 homens não, nos ja tentamos e nada ate hoje, mas se achar quero a minha parte do segredo do verme de sangue! ", realmente intrigante.

O homem vai embora e eutambém me vou, levando comigo Isabella e Demona, um espirito e uma gargula, talvez ja tenha valido a pena, o que me resta é convencer a gargula a ficar comigo. Creio que não va ser muito dificl, conversamos um pouco e disse-lhe que pode ficar o tempo necessario, vou agir com cautela.

Assim em casa, apenas tomei banho, e dei uma olhada em meu celular, no qaul havia recebido uma mensagem dizendo para buscar algo no Elisio Sul, Ah! Realmente, se o primeiro dia foi assim, me pergunto como sera amanha?!
Fui dormir.....

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


Última edição por Jacqueline Lefevre em Seg 18 Abr 2011, 05:11, editado 4 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Jacqueline Lefevre
Xerife
avatar

Número de Mensagens : 264
Idade : 26
Data de inscrição : 28/10/2010

Ficha do personagem
Clã:

MensagemAssunto: Re: Diario - Jacqueline Lefevre   Qua 13 Abr 2011, 06:05

  • Segunda 08/02/1995

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
O meu dia não poderia ter começado pior, depois de deixar a estatua de Isabella em uma estante fui procurar por Bella e Joseph, mas quando os vi não acreditei, estavam em um estado lamentavel, doentes, com um tipo de lepra, ou algo parecida, mas Demona caracterizou como maldição do guardião..... por sorte Demona disse que pode fazer uma cura, mas precisara de sangue de lobsomem ou então de uma criatura chamada Zulu.... mas nunca vi tal coisa, não é tão facil conseguir, mas não tenho tempo para perder fazendo novos carniçais.

Muito bem, a minha maior preocupação no momento é entregar o espelho para adiquirir minha reconpensa, mas como sempre ha algo para me atrapalhar. Tive que ir até o Elisio Sul, pegar um convite para uma reunião, mas quando estava de saida, percebi que algo estava para aconecer, e ouvi um sussurro me dizendo que havia algo embaixo do carro. Antes que algo acontecesse eu sai rapido com o carro indo para a capela....

No caminho fiz uma ligação para Angélica, pois queria de lhe entrgar logo o espelho, mas ela me disse que não estava na capela e que eu não deveria levar o espelho para la! Dai então voltei em disparada para minha casa. La guardei o espelho em um cofre e pedi para Demona que vigiasse. Foi quando ela sentir que alguem tentou entrar em meu dominio, desconfiada olher deibaxo do carro, e la encontrei um rastreador. Sem muito tempo voltei para a capela.

No entanto quando cheguei la, encontrei mais problemas, a regente desapareceu, os tremeres estão sendo atacados e eu com tantos problemas..... la conheci um tal Cloud Camper, que conicidentemente também iria para a reunião.....

No Elisio norte descobrimos qual era a verdade, um Justicar, majestoso, perante nossos olhos, ele ali imponete, nos disse nosso objetivo real, limpar a cidade dos Sabás, um trabalho até agradavel.... Bom após muita conversa, decidimos ir eu e Cloud rumo a um local onde provavelmente a Regente estava.... um depósito..conseguimos nos infiltrar com sucesso. La dentro havia uma lasombra, varios carniçais e um monstro.. um mosntro!!! esse deve ser o Zulu, bem eu espero que seja.
No nosso planejamento de ataque pude ver que Cloud tem bastante conhecimento das artes tremere, de fato conhecimento é algo que não deve se deixar passar em branco.
Bem, mas é Claro que por fim terminamos com tudo, a lasombra empalada, o monstro morto, os carniçais mortos, e ainda encontramos a regente..... eu ainda tenho a impressão de que me esqueci de algo importante que aconteceu la, mas não me lembro o que.... estranho....
Bem, bem se ja não bastassem tantos problemas, ainda demos de cara com a policia, e após Trina me contar descobri um ventrue da camarilla escondido ali, ele usando sua labia e deons despistou os policiais, mas um deles tenho certeza ainda nos encontraremos, ainda mais depois que atrapalhei os planos dele de ligar para os companheiros!!! Bem, eu estarei esperando.....

Depois, rapidamente, fomos até um hotel, pois a dia ja estava começando a nascer, e os olhos a pesarem....
Quando dormi a unica coisa em que pensava era que gostaria que tudo isso acabasse de uma vez... tenho muito a fazer, aprender e receber.....
E então eu dormi!


---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
Diario - Jacqueline Lefevre
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Fluzzer Hotel - Vagas - Som - Atualizadinho - Diversão - Novos Mobis - Emblemas na Loja - Raros diario
» HAPEN.BIZ - DIAMANTE, MONEY, E FULL PLAYERS SÓ COLA) CASINO, X1 DE RAROS DIARIO- STAFF ON E EVENTOS

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
.:: The Mercy of War ::. :: Área de Jogo [ON] :: Rolador de Dados / Diario de caçada :: Diario do Caçador-
Ir para: